O PowerApps é licenciado por usuário. Cada usuário que acessa o serviço para criar e executar aplicativos precisa de uma licença. Clientes do Office 365 e Dynamics 365 podem aproveitar imediatamente os recursos do PowerApps e Flow Microsoft que incluem essas ofertas. Clientes que desejam criar aplicativos e fluxos que acessam fontes de dados fora do Office 365 e Dynamics 365 ou precisam de outras funções podem adquirir assinaturas independentes do PowerApps e Flow Microsoft. Há diferenças importantes de funcionalidade entre esses grupos de licenças.

Preços

Consulte a página de preços do PowerApps para obter as informações de preços mais recentes de cada licença do PowerApps. Consulte a página de preços do Microsoft Flow para obter as informações de preços mais recentes de cada licença do Microsoft Flow.

Licenças

PowerApps para Office 365 e Dynamics 365

Os recursos do PowerApps para Office 365 e Dynamics 365 permitem aos usuários criar e executar aplicativos dentro do contexto desses serviços. Esses aplicativos também podem ser estendidos para utilizar dados em serviços de nuvem comuns, incluindo Box.com, Facebook e muito mais. Os usuários com acesso ao PowerApps por meio do Office 365 e Dynamics 365 não podem criar ou executar aplicativos em bancos de dados do Common Data Service da Microsoft. A lista de planos do Office 365 e Dynamics 365 a seguir inclui recursos do PowerApps.

Planos incluídos
Quais planos do Microsoft Office 365 incluem o PowerApps? Estes planos incluem o PowerApps para o Office 365:

Office 365 Business Essentials
Office 365 Business Premium
Office 365 Education
Office 365 Education Plus
Office 365 Enterprise E1
Office 365 Enterprise E3
Office 365 Enterprise E5

*O Office 365 Enterprise E2 inclui os mesmos recursos do Office 365 Enterprise E1, e o Office 365 Enterprise E4 inclui os mesmos recursos do Office 365 Enterprise E3.
Quais aplicativos e planos do Microsoft Dynamics 365 incluem o PowerApps? Estes aplicativos incluem o PowerApps para o Dynamics 365:

Dynamics 365 para Sales, Enterprise Edition
Dynamics 365 para Customer Service, Enterprise Edition
Dynamics 365 para Operations, Enterprise Edition
Dynamics 365 para Field Service, Enterprise Edition
Dynamics 365 para Project Service Automation, Enterprise Edition
Dynamics 365 para Team Members, Enterprise Edition
Dynamics 365 para Financials, Business Edition
Dynamics 365 para Team Members, Business Edition

Estes planos incluem o Plano 2 para PowerApps:

Dynamics 365, Enterprise Edition, Plano 1
Dynamics 365, Enterprise Edition, Plano 2

*O PowerApps para Dynamics 365 também está incluído nas assinaturas existentes de CRM Online Enterprise, Professional, Basic e Essential.

Plano 1 e Plano 2 independentes do PowerApps

Os planos independentes completos do PowerApps fornecem aos usuários a capacidade de criar e executar aplicativos em fontes de dados que se estendem além do Office 365 e Dynamics 365, como Salesforce, fontes de dados locais e Common Data Service da Microsoft. Essas assinaturas também incluem recursos não disponíveis nos planos do Office 365 e Dynamics 365.

  • As assinaturas do Plano 2 do Microsoft PowerApps são para usuários e administradores que precisam de recursos completos para criar e executar. Esses usuários têm acesso a recursos de gerenciamento importantes, como exibição de uso e configuração de políticas. Os usuários do Plano 2 do PowerApps podem modelar dados no Common Data Service.
  • As assinaturas do Plano 1 do Microsoft PowerApps são para os usuários que, principalmente, executam aplicativos. Esses usuários ainda podem criar aplicativos e fluxos, mas eles não podem modelar dados no Common Data Service ou executar tarefas de gerenciamento.

Avaliação gratuita do Plano 2 do PowerApps

O PowerApps não oferece contas gratuitas, mas é possível experimentar o Plano 2 do PowerApps gratuitamente por 90 dias. Durante a avaliação, os usuários têm acesso a todos os recursos do Plano 2 do PowerApps. Para obter mais informações sobre como se inscrever, consulte inscrição para autoatendimento no PowerApps.

Quando a avaliação expira, os usuários têm as seguintes opções:

  • Os usuários que têm acesso ao PowerApps ou Microsoft Flow por meio do Office 365 ou Dynamics 365 ainda podem acessar o Microsoft Flow ou o PowerApps. No entanto, esses usuários perdem o acesso a todos os recursos que são exclusivos do Plano 2, conforme descrito na página de preços do PowerApps.
  • Os usuários que não têm acesso por meio do Office 365 ou Dynamics 365 podem solicitar que o período de avaliação seja ampliado ou podem adquirir um plano independente. Para obter mais informações, consulte Comprar o PowerApps para a sua organização.

OBSERVAÇÃO Para comprar o PowerApps para uma organização, você deve ser um administrador global ou de cobrança de um locatário do Office 365 ou criar um locatário.

O PowerApps inclui o Flow

As licenças do PowerApps sempre incluem recursos do Microsoft Flow. Além de estar incluído nas licenças do PowerApps, o Microsoft Flow também está disponível como um serviço autônomo. Consulte a página de preços do PowerApps para obter mais informações sobre os recursos específicos do Microsoft Flow que cada licença do PowerApps inclui.

A capacidade de recursos está incluída em cada licença

As licenças por usuário acima vêm com capacidade incluída para recursos usados quando um fluxo ou aplicativo é executado. Esses recursos incluem armazenamento de dados, armazenamento de arquivos e execuções de fluxo. Os recursos incluídos nas licenças por usuário são agrupados no nível do locatário e, quando a capacidade do locatário acaba, os clientes podem adquirir capacidade adicional por meio de licenças complementares. A capacidade máxima para o Common Data Service é 10 GB por banco de dados e 5 TB para o armazenamento de arquivos por ambiente. Se você adquirir capacidade adicional e a capacidade disponível (com licenças e complementos combinados) for maior do que a capacidade máxima, você poderá usar o valor total em ambientes diferentes. Consulte a página de preços do PowerApps para saber a capacidade incluída de cada licença do PowerApps.

Exemplos de licenciamento do PowerApps

Vamos dar uma olhada em um exemplo. A empresa ABC Inc. tem 1.000 funcionários, dos quais 700 contam com licenças do Office 365 Enterprise 3. Numa fase precoce, um usuário avançado cria um aplicativo de linha de negócios que simplifica como os pedidos dos clientes são controlados. Posteriormente, o departamento de RH trabalha com o departamento de TI para implantar um aplicativo para relatórios de licenças e ausências, e o aplicativo é criado no Common Data Service.

Aplicativo de acompanhamento de pedidos

A ABC Inc. começa desenvolvendo um aplicativo para seus usuários do Office 365. O aplicativo reúne dados de configuração de clientes e produtos armazenados em listas do Office 365 SharePoint com documentos de pedidos de clientes, armazenados no Box.com. Como esse aplicativo só acessa dados armazenados no Office 365 e um serviço de nuvem comum coberto por um conector padrão, as licenças do Office 365 que eles já têm abrangem a criação e o uso desse aplicativo.

Licenças necessárias: as 700 licenças do Office 365 Enterprise 3 que eles já têm são o suficiente.

Aplicativo para licenças e ausências

Com base na rapidez e facilidade de rastreamento do aplicativo anterior, o RH da ABC conta com a ajuda do TI para criar um aplicativo de monitoramento de licenças e ausências que será implantado em toda a empresa. Todos os funcionários deverão usar esse aplicativo para registrar suas horas trabalhadas, férias e licenças médicas.

Para esse aplicativo, o TI seleciona o Common Data Service para armazenar os dados gerados. O Common Data Service fornece os recursos de segurança e política de dados que o TI precisa para obter informações relacionadas aos funcionários. Eles atribuem dois funcionários de TI ao projeto para criar o banco de dados e modelar os dados do aplicativo no Common Data Service. Esses funcionários também são responsáveis por controlar o uso do aplicativo e estabelecer a política aplicada a esses dados.

Licenças necessárias:

  • Plano 2 do PowerApps – 10 licenças: os 10 administradores de TI que serão responsáveis por configurar os ambientes para que a empresa teste e implante seu aplicativo, por modelar dados no Common Data Service e por estabelecer políticas de segurança de dados precisarão de licenças do Plano 2 do PowerApps para executar essas funções.
  • Plano 1 do PowerApps – 990 licenças: os 700 usuários do Office 365 precisarão da licença do Plano 1 do PowerApps, porque esse aplicativo se baseia em dados armazenados fora do Office 365 (isto é, no Common Data Service). Os outros 290 usuários que não têm o Office 365 ou a licença do Plano 2 do PowerApps precisarão desta licença para ter os direitos de executar o aplicativo.