Adicionar uma origem de dados e um fluxo (Common Data Service)

Tópico seguinte

Partilhar as suas aplicações

Continuar

Assistir novamente

Até este ponto desta secção, gerámos uma aplicação com base na entidade Case do Common Data Service, explorámos a aplicação para analisar a sua estrutura e personalizámos a aplicação de diversas maneiras. No último tópico desta secção, vamos introduzir outra entidade padrão e utilizar o Microsoft Flow para enviar uma mensagem de e-mail. A aplicação irá acionar um fluxo para que a pessoa que abriu um determinado caso seja notificada quando este for atualizado. Vamos levar a cabo um cenário em particular neste tópico, mas competências que adquirir são aplicáveis a muitos tipos de aplicações. Vamos começar com as entidades.

Rever relações entre entidades

Iremos adicionar a entidade Contact em breve, mas primeiro vamos ver a relação que as entidades Case e Contact estabelecem entre si. Na entidade Case, constatamos que um dos campos é CurrentContact, com um tipo de dados Lookup. Isto significa que este campo é utilizado numa relação com outra tabela.

Campos da entidade Case

No separador Relações, constatamos que a entidade relacionada é Contact. Tenha esta informação presente porque vamos utilizar esta relação mais adiante neste tópico.

Relações da entidade Case

Adicionar a uma entidade à aplicação

É muito simples adicionar uma origem de dados no PowerApps. No painel da direita, clique ou toque em Origens de dados e, em seguida, em Adicionar origem de dados. Neste caso, escolha a ligação Common Data Service selecione a entidade Contact. Depois de clicar ou tocar em Ligar, a entidade é adicionada à aplicação.

Adicionar a entidade Contact

Tenha em atenção que, neste exemplo, estamos a adicionar dados de outra entidade, mas pode combinar dados de muitas origens nas suas aplicações.

Pesquisar informações de contacto

Agora que temos acesso aos dados da entidade Contact na nossa aplicação, está na altura de a utilizarmos. Tal como foi mencionado na introdução, queremos enviar uma mensagem e-mail quando um caso é atualizado. Vamos utilizar duas fórmulas e um fluxo para executar este procedimento. A primeira fórmula destina-se ao ecrã de edição, mais concretamente a propriedade OnSelect do botão “guardar”.

Ecrã de edição da aplicação

Por predefinição, este botão utiliza a fórmula SubmitForm(EditForm1) para submeter a atualização quando um utilizador edita os dados no formulário. É preciso adicionar elementos à fórmula para que, em primeiro lugar, pesquise as informações de contacto da pessoa que abriu o caso atual e, em seguida, armazene essas informações localmente na aplicação:

UpdateContext({contact:LookUp(Contact, ContactId=BrowseGallery1.Selected.CurrentContact.ContactId)}); SubmitForm(EditForm1)

Sim, é um pouco complexo, mas o James consegue explicar esta fórmula de forma mais detalhada e simples, a partir do minuto 2:04 do vídeo.

Acionar um fluxo a partir da aplicação

Agora que sabemos quem é o contacto de cada caso, podemos enviar uma mensagem de e-mail a cada um deles. Podemos enviar uma mensagem de e-mail diretamente a partir da aplicação, mas neste exemplo vamos mostrar-lhe como acionar um fluxo a partir da aplicação. Aqui temos o fluxo, tão simples como parece: enviar uma mensagem de e-mail com base numa ação numa aplicação. Não vamos adiantar muitos detalhes sobre os fluxos neste ponto, mas há uma série denominada Aprendizagem Orientada completa dedicada ao Microsoft Flow.

Fluxo para enviar mensagem de e-mail

De volta à aplicação, é preciso chamar o fluxo com base num evento. Vamos utilizar a propriedade OnSuccess do formulário de edição, de modo a que o fluxo seja acionado quando a edição for concluída com êxito. Clique ou toque no formulário de edição e, em seguida, no friso, clique ou toque em Ação > Fluxos. Selecione o fluxo que quer utilizar.

Fluxo para enviar mensagem de e-mail

O fluxo está agora associado ao evento OnSuccess do formulário de edição, pelo que podemos consultar o contacto para a mensagem de e-mail. A fórmula que se segue chama o fluxo com o endereço de e-mail da pessoa que abriu o caso, bem como o assunto da mensagem e o corpo da mensagem de e-mail.

CaseResolvedEmailConfirmation.Run(contact.EmailPrimary, "Your case has been updated", "Check it out")

É tudo o que precisa de saber no que diz respeito a adicionar uma origem de dados à aplicação e acionar um fluxo que envia uma mensagem de e-mail. Se ainda não assistiu aos vídeos desta secção, aconselhamo-lo a que o faça. Mostram muitos dos detalhes que aflorámos muito rapidamente ao longo dos tópicos.

Para terminar

Com isto, chegamos ao fim desta secção. Esperamos que tenha gostado e que tenha aprendido imenso. Começámos por gerar uma aplicação básica a partir de uma entidade e explorámos a aplicação um pouco mais para compreender a sua estrutura. Dedicámos bastante tempo a personalizar a aplicação e, em seguida, adicionámos uma origem de dados e vimos como se aciona um fluxo. Criámos uma aplicação de gestão de casos específica nesta secção, mas as competências que adquiriu podem ser aplicadas a muitos tipos de aplicações. Tal como foi mencionado no início desta secção, se quiser embrenhar-se numa aplicação de gestão de casos mais complexa, não deixe de explorar o modelo disponível no PowerApps Studio para o Windows.

A seguir, vamos passar à gestão de aplicações. A secção sobre gestão mostra-lhe como partilhar e criar versões de aplicações e apresenta ambientes, que funcionam como contentores para aplicações, dados e outros recursos.