Uma vista rápida da criação de aplicações no PowerApps

Tópico seguinte

Criar a sua primeira aplicação no PowerApps

Continuar

Assistir novamente

Agora que tem as noções básicas sobre o PowerApps, vamos passar para uma breve visita guiada de introdução às aplicações. Iremos ver aplicações de exemplo, criar aplicações a partir de um modelo, utilizar aplicações partilhadas e criar aplicações a partir de uma origem de dados. No tópico seguinte, passaremos para uma abordagem mais prática, com a criação de aplicações.

Ver algumas aplicações de exemplo

Em web.powerapps.com, são-lhe disponibilizadas várias aplicações de exemplo que pode utilizar no seu browser. Explore estas aplicações para obter uma noção rápida do que é possível fazer e como o PowerApps pode ajudar a sua empresa.

Aplicações de exemplo do PowerApps

Cada aplicação de exemplo foi concebida para um fim específico, como gerir um orçamento, inspecionar um site ou controlar pedidos de serviço. Estas aplicações contêm dados de exemplo para inspirar o seu raciocínio. Esta aplicação ilustra como uma empresa de pavimentos poderia ajudar os representantes de suporte a fornecer estimativas exatas e imediatas dos custos nas visitas às instalações do cliente.

Aplicação de exemplo de pavimentos do PowerApps

Criar uma aplicação a partir de um modelo

Outra boa forma de começar é criar uma aplicação a partir de um modelo. Os modelos são, basicamente, aplicações de exemplo que pode abrir para compreender como são estruturadas. Utilizam dados de exemplo para o ajudar a obter uma noção do que é possível fazer e abri-los no PowerApps Studio ajudará a ver, na prática, como uma aplicação é criada. Tenha em atenção que, de momento, os modelos estão disponíveis apenas no PowerApps Studio para Windows neste momento, não estando disponíveis no PowerApps Studio para a Web.

Modelo de aplicação do PowerApps

Por exemplo, com o modelo Budget Tracker, pode criar uma aplicação que o ajuda a controlar o orçamento de projetos e eventos, com categorias personalizadas, introdução de dados fácil e elementos visuais que mostram claramente as despesas.

Modelo “budget tracker” do PowerApps

Utilizar aplicações partilhadas

Se a sua equipa tiver começado a utilizar o PowerApps, as pessoas poderão já ter aplicações partilhadas consigo. Quando as pessoas partilham aplicações consigo, estas aparecem no AppSource e também no Dynamics 365, se optar por os incluir aqui. Se for contribuidor para estas aplicações, também aparecem em web.powerapps.com.

Partilha do PowerApps

Criar uma aplicação a partir de uma origem de dados

Crie aplicações no PowerApps Studio para a Web ou no PowerApps Studio para Windows. Vai conseguir ligar a origens de dados e começar a compor aplicações num estruturador visual.

Aplicação do PowerApps a partir de dados

Uma excelente forma de começar é gerar uma aplicação a partir dos seus próprios dados. Basta indicar o PowerApps na origem de dados à sua escolha (por exemplo, uma lista do SharePoint) e ver como o PowerApps cria automaticamente uma aplicação com três ecrãs para procurar na lista, visualizar registos detalhados e editar dados. Pode então começar a personalizar esta aplicação para ter o aspeto e comportamento exatamente pretendidos. Iremos ver como a aplicação seguinte é criada no próximo tópico.

Aplicação do PowerApps com três ecrãs

Também pode criar aplicações a partir do zero e adicionar todas as partes à medida que avança, mas a forma mais fácil de aprender mais sobre o PowerApps é começar por um exemplo ou modelo ou ligar à sua origem de dados e fazer com que o PowerApps gere a aplicação por si. Pode então expandir-se e deixar a sua imaginação fluir — terá muitas oportunidades de o fazer mais tarde neste curso! No tópico seguinte, irá aprender a gerar uma aplicação a partir dos dados.